Selagem capilar – o que é? Como funciona?

A selagem capilar é uma técnica que permite recuperar o cabelo danificado, com o intuito de restaurá-lo em profundidade graças a nutrientes reparadores, que regeneram as cutículas do cabelo.

selagem capilar o que é

Para ajudar você a entender mais sobre a selagem capilar, eu preparei o artigo de hoje sobre o assunto. Ficou interessada em saber mais? Então acompanhe comigo agora mesmo!

O que é uma selagem capilar?

Primeiramente, a selagem capilar é um tratamento criado aqui no Brasil que tem como principal substancia ativa a queratina.

A queratina é um dos produtos mais usados para a recuperação do cabelo, pois ela fecha as cutículas dos fios, o que ajuda as fibras capilares que foram danificadas por processos químicos.

Existem muitos salões de beleza que vendem a selagem capilar como uma intensa hidratação, também chamada de escova progressiva.

Quando esse procedimento é realizado, não apenas o uso de queratina é implementado no cabelo, mas também o formal é utilizado. Assim, o procedimento também serve para alisar os fios.

Contudo, o formol só pode estar presente em quantidades muito pequenas para não danificar o fio e nem fazer mal à saúde. Contudo, em concentrações tão baixas, o efeito no cabelo é quase zero.

Dessa maneira, para que a selagem capilar possa ter como finalidade o alisamento, outros produtos alternativos podem ser usados e que causam muito menos dano ao cabelo que o formol.

É o caso do tioglicolato de amônio e a etalonamina, que usados juntos com a selagem capilar, podem ter um resultado benéfico como alisamento.

Existem muitos danos que o formol pode causar, não apenas para o couro cabelo, mas para a saúde geral de quem o utiliza, entre eles podemos citar:

  • Queimaduras
  • Descamação do couro cabeludo
  • Queda de cabelo
  • Sensação de ardência nos olhos
  • Dores de cabeça constantes
  • Enjoo e vomito
  • E até desmaio
selagem capilar

Na hora de fazer sua selagem capilar é importante pedir para checar a embalagem do produto para ver se está escrito formaldeído ou poliformol.

Muitos produtos podem ter o formol em sua composição, mas como citei, isso deve ser em baixa concentrações para não causar efeitos adversos.

Como é feita a selagem capilar?

A selagem capilar é um procedimento realizado com shampoo, condicionador e ampolas. Assim, o cabelo é lavado normalmente com os dois primeiros produtos, em seguida, o cabelo é secado, e a aplicação das ampolas são realizadas.

Para que os produtos possam realmente chegar nos fios, é necessária uma fonte de calor. Geralmente, a chapinha é utilizada nesses casos com a finalidade de selar as cutículas dos fios.

Em contrapartida, se o intuito da selagem capilar é o alisamento também, a fonte de calor ajuda a reorganizar os fios e a deixá-los lisos.

Sessões

Primeiramente, o número de sessões de selagem capilar depende de muitos fatores, como o grau dos danos no cabelo, volume de cabelo, entre outros, e só pode ser determinada por uma avaliação profissional.

Contudo, na maioria dos casos, a selagem é realizada a cada 2 ou 3 meses, com o intuito de sempre recuperando a saúde dos fios.

Quando a selagem tem como intuito o alisamento, as sessões devem ser repetidas conforme os fios forem crescendo na raiz e a aparência do cabelo é afetada.

Cuidados após a selagem capilar

Primeiramente, se a selagem capilar é feita para corrigir danos causados no cabelo, não há grandes cuidados para serem feitos além de evitar procedimentos químicos, como alisamentos e tinturas.

Contudo, se a selagem foi feita para alisar o cabelo, é essencial que você cuide de maneira diferente: shampoos para limpeza profunda devem ser evitados, pois afetam diretamente o efeito do tratamento.

Certamente, essas informações sobre a selagem ajudaram você a ter uma noção maior sobre como o procedimento é realizado. Então, converse com seu cabeleireiro, e procure entender se o seu cabelo precisa de um ou não.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *